Pesquisa Conteúdo:
   
 
INSTITUCIONAL
Histórico
Diretoria
Conselho Fiscal
Conselho Deliberativo
 
SERVIÇOS
Artigos
Convênios
Galeria de Fotos
Aniversariantes do Mês
Jornal Plantão Fiscal
Recadastramento
Restrito
 

"Educai as crianças para que não seja necessário punir os adultos.
Pitágoras
Roteiros Culturais

Indicado ao Oscar, Jackie estreia nos cinemas em Porto Alegre

A nova cinebiografia de Hollywood, “Jackie”, sobre uma das mais famosas Primeiras-Damas dos Estados Unidos, é um dos grandes lançamentos nos cinemas de Porto Alegre neste final de semana. A curiosidade, além da indicação a dois Oscars da Academia de Hollywood e também de uma das últimas aparições do recentemente falecido ator inglês John Hurt (que interpreta um padre a quem Jackie se confessa revelando os problemas que tinha com o finado marido) está na forma multifacetada com que o diretor Pablo Larrain e atriz Natalie Portman usaram para revelar e esconder as diversas camadas da esquiva personalidade da focalizada.

Natalie Portman (vencedora do Oscar de melhor atriz por “Cisne Negro” em 2011) não é a favorita na disputa pela Oscar deste ano (ao qual foi indicada ao lado Isabelle Huppert, Meryl Streep, Emma Stone e Ruth Neggan) mas a produção foi bastante elogiada pela crítica internacional ao contar a história de Jacqueline Bouvier Kennedy, que inesperadamente fica viúva e procura lidar com o trauma nos quatro dias posteriores ao assassinato de seu marido, o então presidente dos Estados Unidos, John Fitzgerald Kennedy.

O longa é dirigido por Pablo Larraín (“O Clube” e “No”) e tem entre os seus produtores Darren Aronofsky (“Cisne Negro”). Além da indicação à Melhor Atriz para Natalie Portman, a produção também foi indicada ao Oscar na categoria de Figurino, um trabalho assinado, e muito elogiado, por Madeleine Fontaine. O figurino, na verdade, é outro dos personagens importantes do filme.

O modelo estilo channel cor-de-rosa que Jackie usava no carro em Dallas e que fica todo manchado com o sangue do famoso marido é o mesmo que ela usará no velório. Eles precisam ver o que fizeram parece ser a mensagem que ela envia aos que ordenaram a morte do presidente dos Estados Unidos. Nos quatro dias que se seguem ao atentado em Dallas, a viúva se preocupa principalmente com o fato de que seu marido não seja esquecido, mesmo que o crime não identifique os culpados e que ninguém seja punido.

Fonte: CP
 
+ Roteiros Culturais

Reforma Tributária Solidária nos 50 anos da 1ª Convenção - A apresentação da Reforma Tributária Solidária aconteceu no primeiro painel dos 50 anos da I Convenção Nacional, que aco

Homenagens encerram evento dos 50 anos da 1ª Convenção - A comemoração dos 50 anos da I Convenção Nacional da ANFIP, que aconteceu nesta sexta-feira (9/11), no Rio de Janeiro, t

Geap tem um plano especial para você - No seu estado, com preços mais acessíveis a partir de R$ 159,29 mensal para menores de 18 anos. Trata-se de um plano bás

Linha Direta já está disponível na Internet - Já está disponível em publicações, Linha Direta, a última edição do nosso informativo mensal. Confira as principais notí

Auditores do Paraná comemoram 25 anos de carreira -

Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil do Paraná, do concurso de 1993, se reuniram no final de julho para com

+ Notícia

 
home | contato | localização | convênios
Rua Siqueira Campos 1171, 11º andar - Porto Alegre/RS - Telefone: (51) 3224-4355 - E-mail: agafisp@agafisp.org.br