Pesquisa Conteúdo:
   
 
INSTITUCIONAL
Histórico
Diretoria
Conselho Fiscal
Conselho Deliberativo
 
SERVIÇOS
Artigos
Convênios
Galeria de Fotos
Aniversariantes do Mês
Jornal Plantão Fiscal
Recadastramento
Restrito
 

"A bondade nas palavras cria confiança. A bondade no pensamento cria profundidade.
Lao Tzu
21/12/2017

Conheça Valmor Lazzari: delegado adjunto da RFB em Caxias, associado da Agafisp e desportista*

O delegado adjunto da Receita Federal em Caxias do Sul e associado da Agafisp, Valmor Lazzari é, também, um desportista. Recém completou 60 anos e mantém uma rotina esportiva intensa. Ele joga futebol, vôlei, participa de um grupo de corrida e é um bastião do Esporte Clube União Forquetense. Está na equipe desde os 12 anos, como atleta, e desde 1987 como membro da direção. Uma história que ainda está longe de terminar.

– Eu até poderia parar. A partir do momento que tiverem pessoas dando andamento ao nosso trabalho, posso sair da direção. Mas as outras atividades, não. Mesmo com 60 anos quero me manter ativo até quando tiver condições – diz Lazzari.

Essa história vem de longa data. Ele nasceu em Forqueta e desde que se conhece por gente joga futebol. A paixão pelo esporte é tão grande que na infância Lazzari e os amigos percorriam sete quilômetros pelos trilhos, onde passava o trem, para jogar no Desvio Rizzo.

– Era bacana, porque íamos conversando. Na época, ainda tinha o sonho de ser jogador e me inspirava no Pelé. Aquele desejo de todas as crianças em ser profissional – recorda Lazzari.

Esse amor nasceu em casa e do principal exemplo dele e dos seus irmãos: o pai Valdomiro. Ele era um aficionado por esportes, principalmente o futebol. Ia para todos os lados, com os filhos, para ver jogos. Sejam dos times profissionais ou do União Forquetense.

– Ele sempre nos levava para ver as partidas do Juventude e do Caxias. O pai era motorista e tinha um caminhão na época. Nos levava na carroceria para ver os jogos do União Forquetense. Era muito apaixonado. Ele deixou como um legado para nós este gosto pelo futebol, por jogar, e isso também me levou a ser dirigente do Forquetense – conta Lazzari.

Esse envolvimento se confunde com a comunidade de Forqueta. Se a vida esportiva é intensa, a comunitária corre lado a lado. Além de trabalhar desde a infância com agricultura, ele também foi cobrador de ônibus aos 15 anos. A linha? Forqueta, passando pelo Desvio Rizzo e indo ao centro. Lazzari conhece todos e trabalha muito na sua localidade.

– Organizo o torneio de futebol de salão da Festa do Vinho Novo, as olímpiadas coloniais, organizamos alguns torneios aqui no clube e festas das rainhas do Forquetense. Mesmo em férias, organizo torneios de futebol sete em Passo de Torres (SC) – conta.

E o que se ganha com toda essa entrega e envolvimento?

– O que mais ganhei foram amizades. O reconhecimento das pessoas. Quando se chega numa comunidade e você recebe um cumprimento, um aperto de mão. Ser reconhecido é o suficiente – responde o emocionado Lazzari.

* Reportagem publicada no O Pioneiro de Caxias do Sul no dia 21 de dezembro de 2017

 
+ Noticia

Clipagem - Segunda-Feira, 10 de Dezembro de 2018

1

CORREIO BRAZILIENSE - DF - POLÍTICA

SERVIDOR PÚBLICO

Previdência à la go

NOVO GOLPE - A ANFIP alerta seus associados por mais uma tentativa de GOLPE. A Entidade identifica constantemente a ocorrência de gol

- A ANFIP alerta seus associados por mais uma tentativa de GOLPE. A Entidade identifica constantemente a ocorrência de gol

CLIPAGEM - Sumário

Número de notícias: 51 | Número de veículos: 37

VALOR ECONÔMICO -SP - BRASIL

RECEITA FEDERAL DO BRASIL

A

Provocado pelo STF, Congresso admite similaridade entre MPs 805 e 849 - Em resposta ao ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), que pediu esclarecimento ao Congresso Na

+ Notícia

 
home | contato | localização | convênios
Rua Siqueira Campos 1171, 11º andar - Porto Alegre/RS - Telefone: (51) 3224-4355 - E-mail: agafisp@agafisp.org.br