Pesquisa Conteúdo:
   
 
INSTITUCIONAL
Histórico
Diretoria
Conselho Fiscal
Conselho Deliberativo
 
SERVIÇOS
Artigos
Convênios
Galeria de Fotos
Aniversariantes do Mês
Jornal Plantão Fiscal
Recadastramento
Restrito
 

"Um irmão pode não ser um amigo, mas um amigo será sempre um irmão.
Demétrio
12/04/2018

Contra cortes sociais, movimentos realizam Campanha Direitos Valem Mais

Entidades e movimentos sociais, juntamente com diversos pesquisares e especialistas nas áreas de políticas sociais realizam, em nível nacional, a Campanha Direitos Valem Mais, Não aos Cortes Sociais: por uma economia a favor da vida e contra todas as desigualdades.

A Campanha, lançada em março no Fórum Social Mundial (FSM), que aconteceu em Salvador (BA), é promovida pela Coalizão Anti-austeridade e pela revogação da Emenda Constitucional 95. Visa estimular o debate público sobre os impactos negativos da chamada política econômica de austeridade no cotidiano da população e articular um conjunto de ações destinadas a dar fim a Emenda do Teto dos Gastos Sociais. Mobilizações da Coalizão estão previstas para junho e setembro deste ano com o objetivo de influenciar o processo eleitoral.

A sociedade pode participe das atividades, além de intensificar o movimento com criando e compartilhando suas ideias na página da Campanha. Poste fotos e mensagens usando a hashtag #DireitosValemMais.

Todo o material da campanha e a agenda de mobilizações está disponível no site www.direitosvalemmais.org.br.

Sobre a EC 95

Aprovada em dezembro de 2016, a Emenda Constitucional (EC) 95 estabelece a redução do gasto público em educação, saúde, assistência social e em outras políticas sociais por vinte anos, aprofundado a miséria, acentuando as desigualdades sociais do país, em especial, comprometendo ainda mais as condições de sobrevivência da população pobre e negra. A EC 95 é objeto das Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADI) 5633, 5643, 5655, 5658, 5715 e 5743 que solicitam a revogação da Emenda pelo Supremo Tribunal Federal. Todas essas ADIs foram distribuídas à ministra Rosa Weber.

Estudos da Plataforma DHESCA; do Inesc/Oxfam/Centro para os Direitos Econômicos e Sociais; e do IPEA vêm demonstrando o impacto da Emenda em várias áreas sociais, acarretando grandes retrocessos na garantia de direitos e a piora acelerada da situação dos indicadores sociais do país. O Relator Especial da ONU para Extrema Pobreza, Philip Alston, caracterizou a Emenda Constitucional 95 uma medida drástica que contraria as obrigações do Estado brasileiro na garantia dos direitos sociais.

Fonte: Anfip
 
+ Clipagem

Latam passará a cobrar por marcação de assento em voos -

A Latam passará a cobrar, a partir de 16 de agosto, pela marcação de assentos nos voos. O valor será d

Jurídico da Anfip tem canal de comunicação exclusivo -

Associados agora têm número exclusivo para assuntos jurídicos

Visando a excelência no atendimento aos seus associad

ANFIP/Unimed: Campanha carência zero já começou -

Prazo para adesões vai até 1º de outubro. Solicite seu orçamento

Os interessados em fazer parte do plano de saúde A

ANFIP colhe assinaturas para emendas à PEC 293/04 -

A ANFIP e a Fenafisco já estão coletando as assinaturas necessárias para que emendas à PEC 293/04, que trata da refor

Associado da Anfip tem plano odontológico exclusivo - Com menos de um R$ 1,00 ao dia*, os associados da ANFIP podem conquistar segurança para toda a família.

A ANFIP fe

+ Notícia

 
home | contato | localização | convênios
Rua Siqueira Campos 1171, 11º andar - Porto Alegre/RS - Telefone: (51) 3224-4355 - E-mail: agafisp@agafisp.org.br