A suspensão das perícias médicas que tem por objeto a concessão de isenção de Imposto de Renda Pessoa Física – IRPF em razão de doenças graves causa prejuízos aos servidores públicos em geral. Diversos associados estão com os pedidos de isenção parados no Ministério da Economia. Para tentar reparar estes prejuízos a AGAFISP firmou parceria com o escritório do advogado Arthur Souto Silveira visando buscar este direito à isenção por moléstia grave junto ao Judiciário Federal. Os associados que se identificarem como associados da AGAFISP terão redução dos honorários de êxito para 15% (quinze por cento) incidentes sobre o valor final percebido pelo associado. As custas e demais despesas processuais são por conta do associado. Quem estiver interessado, favor contatar diretamente com o escritório parceiro pelo fone/WhatsApp (51) 99719-2983 ou e-mail: contato@soutosilveira.com.br.