top of page

ENTIDADES DEBATEM REFORMA TRIBUTÁRIA COM SENADORA

Participaram também da reunião os representantes da Fenafisco, Celso Malhani e Bruno Carvalho, e o representante do Sindifern, Fernando Freitas. Foram apresentadas as premissas da Reforma Tributária Solidária e entregues as publicações do detalhado estudo do sistema tributário, idealizado pela Anfip e a Fenafisco, com coordenação do professor de Economia da Unicamp Eduardo Fagnani. A meta foi mostrar como esse estudo pode ser utilizado no aprimoramento da PEC 110/19, que tramita no Senado. Décio Lopes reforçou que tanto a PEC 110 quanto a PEC 45/19, que está na Câmara dos Deputados, tratam da simplificação tributária, porém não são reformas suficientes, pois não atacam o ponto central, que é regressividade do sistema. Na Câmara, as entidades já fazem trabalho para aprimorar o texto da PEC 45. No Senado, novas reuniões serão desenvolvidas com a equipe da senadora Zenaide Maia, a primeira está marcada para esta quarta-feira (4/9), para a elaboração de emendas que ataquem essa regressividade. “Não é justo quem ganha mais pagar o mesmo imposto no consumo de quem ganha menos. Vamos municiar o Roberto Rocha . Essa é reforma que o país precisa”, afirmou a senadora, que garantiu que se debruçará sobre os dados apresentados pelas entidades.

bottom of page